Ajude a Pró-Renal

 

O RIM E SUAS FUNÇÕES

Quais as funções dos rins?

Os rins são dois órgãos localizados em ambos os lados da coluna vertebral, atrás das últimas costelas, e medem aproximadamente 12 centímetros. Pesam cerca de 150 gramas cada. Os ureteres são prolongamentos em forma de tubos que levam a urina dos rins para a bexiga.

São três as principais funções dos rins:

  • eliminar as toxinas ou dejetos resultantes do metabolismo corporal: uréia, creatinina, ácido úrico, etc;
  • manter um constante equilíbrio hídrico do organismo, eliminando o excesso de água, sais e eletrólitos, evitando, assim, o aparecimento de edemas (inchaços) e aumento da pressão arterial;
  • atuar como órgãos produtores de hormônios: eritropoetina, que participa na formação de glóbulos vermelhos; a vitamina D, que ajuda a absorver o cálcio para fortalecer os ossos; e a renina, que intervém na regulação de pressão arterial.

O que é insuficiência renal crônica?

Como o próprio nome indica, com a incidência da doença os rins passam a desempenhar suas funções de maneira insuficiente. Como o processo se desenvolve de maneira lenta e gradual, diz-se que a doença é crônica.

Durante este processo o organismo procura se adaptar de múltiplas formas para sobreviver e a insuficiência renal pode manter-se assintomática, permitindo ao paciente uma vida normal durante muito tempo.

Os sintomas ou moléstias mais conhecidos são: hipertensão arterial, urina com sangue, urina com espuma (presença de proteínas na urina), edemas, eliminação de urina muito clara (como água), anemia (palidez, cansaço, dor no peito e sonolência).

Quando a enfermidade está muito avançada, pode haver perda do apetite, náuseas, vômitos, cãibras, prurido (coceira), perda de memória, falta de concentração, tremores, insônia ou sonolência.

Quais as doenças que podem levar à insuficiência renal?

No Brasil, a inflamação crônica dos rins - ou nefrite - ainda é a principal causa de insuficiência renal, seguida do diabetes e da hipertensão arterial (pressão alta). Cálculos renais (pedras nos rins), infecções urinárias de repetição e doenças menos freqüentes, como a doença policística dos rins, também podem gerar a insuficiência. Ao contrário do que se pensa, muitas dessas doenças podem se manifestar já na infância.

Por que a pessoa com insuficiência renal fica pálida?

Porque o rim normalmente produz um hormônio chamado eritropoietina, que regula a produção de sangue na medula óssea. Quando os rins estão cronicamente doentes, diminuem de tamanho e passam a produzir menos hormônios, causando a anemia.

Como eu descubro se meus rins estão funcionando bem?

Se você apresentar sintomas como edema (inchaço) nos pés e pernas, aumento da pressão arterial (pressão alta), palidez (anemia) e sangue na urina, os seus rins podem estar com problemas. Neste caso, procure orientação médica ou peça maiores informações na Fundação Pró-Renal.

O que eu faço se meus rins já estiverem deficientes?

Existem alguns cuidados que você deve tomar para evitar maior perda de função:

  • Se a sua pressão estiver alta é importante normalizá-la através da redução do peso, redução do sal na dieta, de exercícios físicos e medicamentos.
  • Reduza a ingestão de proteínas, principalmente as de origem animal. Isto poderá ser feito com o auxílio de uma nutricionista.

Quais exames podem avaliar a condição dos meus rins?

Um simples exame de urina já vai nos mostrar se há perda de proteína na urina, sangue ou células inflamatórias. Através de um exame de sangue podemos determinar a concentração de uréia e creatinina, substâncias cujas concentrações se elevam quando os rins estão insuficientes.

Para um exame mais preciso é colhida a urina de um dia (24h) efeito um exame chamado de clearance de creatinina, que nos dá uma idéia melhor do funcionamento dos rins. Um simples exame de ultrassonografia também pode ajudar a verificar o tamanho dos rins, formato e qualquer outra alteração significativa.

Dr. M.C. Riella
Médico Nefrologista - CRM 2370 PR

Voltar

Redes Sociais
Twitter Facebook You Tube
Quiz Renal

Teste AquiVocê sabe como estão os seus rins?

Newsletter

Cadastre seu e-mail abaixo e fique por dentro do que acontece na Pró-Renal.

Newsletter

Acesse todos os eventos

Newsletter

Seja um parceiro da Pró-Renal Brasil.

logo logo logo logo logo logo logo logo logo

Clique aqui e saiba como.

Newsletter

logo

Info Ciência
Info Renal

Clique aqui e veja todas as edições do Jornal da Pró-Renal Brasil

Copyright 2011 - Pró-Renal Brasil. Todos os direitos reservados.

Av Vicente Machado, 2190 I Batel I Curitiba - PR | CEP 80440-020 I Telefone: 0800 41 6002 | 41 3312.5400
contato@pro-renal.org.br